Documento simples 33 - Inventário dos documentos relativos aos Morgados da Patameira, de Oliveira e de Caparica

Zona de identificação

Código de referência

PT/BNP/ CO/33

Título

Inventário dos documentos relativos aos Morgados da Patameira, de Oliveira e de Caparica

Data(s)

  • [1783-1793?] (Produção)

Nível de descrição

Documento simples

Dimensão e suporte

111 fl.; em suporte papel.

Zona do contexto

Nome do produtor

Nome do produtor

Castro, Francisco de Meneses da Silveira e (1754-1834) (n. 1754-03-10 - m. 1834-07-20 ou 22)

História biográfica

Nome do produtor

Almeida, Ana Teresa de (1761-1815) (n. 1761-07-26 - m. 1815-12-18)

História biográfica

Entidade detentora

História custodial e arquivística

Provavelmente produzido entre 1783 e 1793, este inventário deve ter continuado na posse da família Meneses e Távora da Silveira e Castro nas gerações seguintes, mas desconhecemos toda a sua história custodial até ser adquirido pela Biblioteca Nacional de Portugal.

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Este exemplar está truncado e sem encadernação. Foi provavelmente produzido entre as décadas de 80 e 90 do século XVIII, havendo, no entanto, anotações nas margens e acrescentos a lápis ou a cor de tinta diferente que devem ser posteriores à sua feitura. Apresenta mais de 500 sumários, alguns deles repetidos em diferentes entradas.

É constituído por dois índices:
• O primeiro é um índice geográfico, em que as designações das localidades, de A a V, estão dispostas alfabeticamente. Sob cada letra os resumos estão, geralmente, organizados alfabeticamente pela tipologia documental e, em cada tipo, regularmente dispostos por ordem cronológica.
• Segue-se um índice que combina os nomes e os títulos ou cargos dos indivíduos referidos na documentação, também ele organizado alfabeticamente. No entanto, as entradas contempladas vão de A a D, indiciando que a parte final se terá perdido.

Os sumários apresentados são generosos, normalmente com a indicação da data completa dos diplomas e com a referência ao seu número e ao maço em que se encontravam no cartório da família. Aqueles que estão datados reportam-se a documentos produzidos entre 1305 e 1783, havendo, no entanto, referência a acontecimentos posteriores nos acrescentos que se fizeram (como aquele que está a lápis numa compra na entrada “Barquerena” e refere o ano 1792).

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de organização

Zona das condições de acesso e utilização

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

Script do material

Cota(s)

Na BNP, o livro deve ser pedido na Sala de Leitura de Reservados pela seguinte cota: C.O., cx. 33, Morgado de Caparica.

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona da documentação associada

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Related descriptions

Zona das notas

Nota

Nota ao elemento de informação "Data(s)": data crítica sujeita a revisão. O inventário não está datado e os sumários com data mais recente são de diplomas de 1783. Por outro lado, não se encontra em nenhum resumo a referência a Francisco de Meneses da Silveira e Castro como conde de Caparica, título atribuído em 1793 (cf. “Fontes”). Por isso, supõe-se que o inventário terá sido produzido antes da concessão daquele título. É, contudo, uma hipótese frágil dado que o documento está muito truncado.

Nota

Nota ao elemento de informação "Dimensão": o documento está incompleto. Faltam folhas no início — onde estaria o título —, no meio e, possivelmente, no último índice de nomes e títulos/cargos.

Nota

Nota ao elemento de informação "Nome do produtor": tendo em conta a proposta de datação crítica, terá sido Francisco de Meneses da Silveira e Castro, casado com D. Ana Teresa de Almeida, quem ordenou a feitura do inventário.

Identificadores alternativos

Pontos de acesso

Pontos de acesso - assunto

Pontos de acesso - lugares

Zona do controlo da descrição

Identificador da descrição

identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

CONSELHO INTERNACIONAL DE ARQUIVOS — ISAD(G): Norma Geral Internacional de Descrição Arquivística. Trad. Grupo de Trabalho para a Normalização da Descrição em Arquivo. 2.ª ed. Lisboa: Instituto dos Arquivos Nacionais/Torre do Tombo, 2002, 97 p.

DIREÇÃO GERAL DE ARQUIVOS; PROGRAMA DE NORMALIZAÇÃO DA DESCRIÇÃO EM ARQUIVO; GRUPO DE TRABALHO DE NORMALIZAÇÃO DA DESCRIÇÃO EM ARQUIVO – Orientações para a descrição arquivística. 2.ª v. Lisboa: DGARQ, 2007, 325 p.

Estatuto

Preliminar

Nível de detalhe

Parcial

Datas de criação e revisão

2014-10-14; 2015-05-19.

Idioma(s)

Script(s)

Fontes

FREIRE, Anselmo Braamcamp — Brasões da Sala de Sintra. 3.ª ed. Lisboa: Imprensa Nacional–Casa da Moeda, 1973, vol. 1, p. 120.

ZUQUETE, Afonso Eduardo Martins (coord.) — Nobreza de Portugal e do Brasil. Lisboa/Rio de Janeiro: Ed. Enciclopédia, 1961, vol. 3, p. 458.

Nota do arquivista

Criado por Filipa Lopes.

Zona da incorporação